Bernardo - 15 dias

Laura - 7 dias

Sofia

Fotografei a Jô quando Sofia estava dentro de sua barriga (você confere aqui) e agora Sofia chegou para alegrar. 

 

Você é mãe de primeira viagem? O que você precisa saber

1) Quando seu bebê nascer sua vida mudará e muito

2) Se você acha que não conseguirá dar banho, trocar fralda, fique tranquila quando seu bebê nascer você fará tudo isso e muito mais

3) Os primeiros meses são os mais difíceis porque você estará se acostumando com a rotina e o bebê também

4) O bebê pode ter cólicas nos primeiros meses. Tanto ele quanto você vão sofrer. Peça orientação ao pediatra e ele falará qual é a melhor maneira de aliviar a cólica

5) Amamentar é super importante tanto para o bebê mas também para a mãe estreitar os laços com o bebê, mas não é fácil. Pode doer, sangrar, talvez você não tenha bico para que seu bebê sugue, muitas mães também tem dificuldade de colocar o bebê na posição certa para a pegada no peito, mas fique calma porque tem muitas ONGs e hospitais que orientam as mamães com essas questões. Muitas vezes o hospital que você teve seu bebê consegue sanar todos os seus problemas antes de você voltar para casa.

6) Você passará a dormir pouco e trocará muitas vezes o dia pela noite como seu bebê

7) Você não sairá com seu marido e amigos como fazia antes.

8) Saia com seu bebê, principalmente pela manhã para que ele tome sol

9) Os maridos também precisam participar desse momento. Incentive que ele troque a fralda, faça o bebê arrotar e até dormir. Além dele aprender, também te ajudará

10) O seu corpo demorará um pouco a voltar a forma, mas você amamentando também perderá peso rapidamente

11) O seu assunto principal agora serão os filhos

12) O início é bem difícil principalmente para as mulheres, mas não deixe seu relacionamento com seu marido de lado

13) Use as roupinhas porque os bebês crescem rápido e perdem logo, então não deixe para ocasiões especiais

14) Os bebês choram muito até mesmo porque é a única forma deles se comunicarem para dizer que tem alguma coisa errada

15) Não deixe seu bebê chorando. Dê colo para acalmá-lo 

16) Se quando você estava grávida as pessoas já davam palpite, imagine depois que o bebê nascer, portanto, siga o que você acha melhor e não dê ouvidos as opiniões, siga seu coração

17) As suas prioridades vão mudar. Ao invés de comprar coisas para si vai pensar primeiro no seu filho

18) Você vai chorar muitas vezes e até pirar achando que não dará conta, mas fique tranquila, no final tudo dá certo

19) O seu bebê crescerá tão rápido, então tente aproveitar cada fase da melhor maneira para não haver arrependimento depois 

20) Se você comprar tudo que a loja quer te vender, além de gastar sem necessidade, muitas coisas você nem usará. Converse com as amigas e pesquise também nos blogs que são uma fonte riquíssima de informações

21) Não deixe de fotografar seu bebê. Fazer uma sessão fotográfica é uma forma de guardar as recordações porque são as únicas que ficam. 

 

Quer ajudar o seu bebê a engatinhar?

Seu bebê já está com 6 meses, já senta e consegue ficar deitado de barriga para baixo com a cabeça levantada? Esses são alguns sinais de que ele já está na fase de engatinhar. Que tal dar uma mãozinha e ajudá-lo nessa etapa? 

1) Coloque um brinquedo de que seu bebê gostaa uma certa distância para que ele possa alcançar

2) Além do brinquedo preferido na frente do seu bebê outra dica é colocar um espelho porque faz com que ele seja atraído por sua imagem

3) Levante seu bebê no ar porque esse movimento faz com que ele contraia os músculos abdominais que ajudam na hora de engatinhar

4) Depois de treinar bastante com seu bebê e ele já começa a engatinhar, que tal aumentar o nível de dificuldade dos exercícios e colocar obstáculos como almofadas, travesseiros ou tolhas enroladas para que ele possa passar pegar o brinquedo a frente. 

5) Engatinhe junto com seu bebê. Ao ver seus movimentos, ele vai querer imitar e isso vai facilitar seu aprendizado. 

 

Todas as dicas, o bebê precisa estar deitado de barriga para baixo. 

Se caso seu bebê tenha seis meses e ainda não está fazendo certos movimentos, espere mais um pouquinho que cada bebê tem um tempo de desenvolvimento. 

 

Você tem outras dicas? Contem-me aqui nos comentários

 

O que vestir na sessão fotográfica?

Chegou o dia da sessão fotográfica com meu filho. E agora o que vestir? 

A primeira dica é pensar em como eu me sinto com a roupa escolhida. Precisamos nos sentir confortáveis para que possamos também passar isso nas fotos. Imagina ficar 1 hora sendo fotografado e a roupa incomodando? Impossível que esse desconforto não seja visto nas fotos.

 

Segundo ponto é pensar em uma roupa neutra que combine com a roupa dos pais e do filho também.

 

Terceira dica é usar cores que conversem entre si e não destaquem só um membro da família.

Quarta é pensar em usar as cores das roupas contrastando com o ambiente. Por exemplo um lugar com árvores, pense que as cores verde e marrom vão apagá-los das fotos e se misturar ao ambiente.

Quinta dica é evitar cores fluorescentes. Elas refletem sombras coloridas no rosto, pescoço e cabelos.

 

Sexta pense em variações das cores primárias e coordene entre si o que vão vestir

E sétima e última dica é vestir-se de acordo com o tempo e o local das fotos. Por exemplo em praias usar roupas de banho ou roupas com tecidos leves.  

 

Um ensaio cheio de cores

Bárbara e Vinícius já eram meus clientes. Já havíamos feito um ensaio casal super diferente (você confere aqui)  e quando soube que ela estava grávida não pensei duas vezes em propor outro ensaio em um lugar que nunca tinha fotografado, mas que era bem diferente e colorido e ela topou na hora. 

Estava bem empolgada com um monte de idéias diferentes na cabeça e o resultado não poderia ser melhor. 

E depois fomos para o estúdio para finalizar nossa sessão. 

Obrigada Bárbara e Vinícius por acreditar mais uma vez no meu trabalho e embarcar nas minhas idéias. 

 

Os benefícios de caminhar durante a gravidez

Você está grávida e se sente cansada, mas saiba que os exercícios físicos leves fazem bem para sua saúde. 

O ideal é caminhar entre 30 minutos e 1 hora. Coloque sua roupa e calçado confortável e indicados para caminhada. Não esqueça também de se hidratar, leve uma garrafinha e tome bastante água. E usar protetor solar sempre para evitar o envelhecimento precoce de manchas. 

Coloque os exercícios físicos em sua atividade diária. Pense que a caminhada te ajudará a combater o estresse, tristeza, depressão e ainda te dá energia para que o dia seja mais leve. Ajuda a melhorar a circulação sanguinea, previne os temidos inchaços nos pés e nas mãos principalmente no fim da gravidez e reduz as incômodas dores lombares.

Pense também no dia do parto porque caminhar ajuda a acelerar nesse processo.

Além de todos esses benefícios, a caminhada tonifica os músculos, ajuda a controlar o peso e a recuperar a forma física depois do parto. 

Que tal caminhar hoje? 

Consulte seu médico para maiores orientações. 

Quer que seu filho seja fotografado por um profissional?

É importante ter em mente quando deseja que seu filho seja fotografado por um profissional que as crianças tem um prazo de "validade".

O ideal é pensar em no máximo 2 trocas de roupa para que ele consiga interagir sem cansar.

Tem dias que a crianá não está no seu melhor momento, mas o profissional contratado tentará aproveitar da melhor maneira tentandio arrancar sorrisos e o melhor que a criança tem. Mamães também podem ajudar seus filhos a interagirem e tirar o melhor deles. Fazendo-os sorrirem e se sentirem seguros. 

E não esqueça que você e toda a família também participam da sessão. 

Se você tem mais de um filho não tem problema, os dois serão fotografados da mesma maneira. 

Nesse momento é ideal interegir e mostrar para a câmera todo o amor que você tem para dar a seu filho.

Então não deixe de regitsrar esse momento único e que passa tão rápido. 

 

* Uma última dica importante: a criança precisa estar com o sono em dia e alimentada.

O que levar na mala da maternidade

Você já está na reta final da gestação e você tem que pensar no que levar para a maternidade. 

O ideal é deixar tudo pronto com 36 semanas se caso o bebê antecipe sua chegada você estará preparada. 

Não deixe de imprimir a lisitnha para que não esqueça nada. 

Para o bebê 

- 6 macacões RN

- 6 bodies RN

- 6 calças com pé 

- 2 mantas

- 2 casaquinhos de lã

- Fraldas de tecido

- 6 paninhos de boca

- 6 pares de meia

- escovinha de cabelo

- 1 touca

- 1 mosqueteiro para o berço

- 1 pacote de fraldas 

- sabonete líquido

- cotonete

- pomada anti assadura

- lenço umedecido

- Chupeta é opcional, mas é sempre bom levar caso você ache que o bebê precisa para se acalmar

- 1 saquinho plástico para roupa suja

- álcool 70%

- 1 trocador

- 2 cueiros

 

Pense na época que o seu bebê nascerá. Se for no outono/inverno roupas de plush e lãs mais quentes e na primavera/verão roupas de malha mais finas. 

Para a mamãe

-  2 camisolas ou pijamas com abertura na frente

- 4 calcinhas confortáveis

- 1 chinelo

- meias

- Penhoar

- sutiã de amamentação

- conchas ou absorventes de seio

- 1 cinta pós-parto

- produtos de higiene pessoal (escova, xampu, condicionador, sabonete, escova de dente e pasta)

Essa lista são para 3 dias. 

 

Geralmente as maternidades disponibilizam uma lista com esses itens. Informe-se.

Pode parecer que tem muitas roupas, mas leve-as para que não tenha imprevistos caso precise. 

Lave todas as roupas antes com sabão neutro.

Não esqueça também da carterinha do plano de saúde, o cartão de pré-natal, os exames do último trimestre e os seus documentos pessoais. 

Suas malas estão prontas, agora é só esperar a chegada do seu bebê.

 







 

 

Páginas

User menu

Login do usuário