Você está aqui

Início » Arquivos

Arquivos

Manuella

Fotografei a Carla e sua família que você confere o ensaio aqui. E depois fotografei a nova integrante da família: Manuella. 

O ensaio você confere abaixo:

 

Sabe como cuidar do umbigo do seu bebê?

 

Muitas mães tem dúvidas de como cuidar do umbigo do seu bebê.

Depois do nascimento, o cordão umbilical que antes ligava o bebê a placenta dentro do útero e transportava nutrientes e oxigênio é cortado e o pedaço entre 2 a 3 centímetros que sobra é chamado de coto.

O coto demora a cair no período de 10 a 21 dias depois do nascimento do recém-nascido.

1) Como limpo?

Pegue uma haste flexível e álcool 70% e limpe no mínimo 3 vezes ao dia ou sempre que tiver secreção. Também é normal aparecer um pouco de sangue. 

Fique tranquila, a limpeza não dói, portanto não machuca o bebê porque o coto não tem terminações nervosas, mas se estiver preocupada com a aparência ou com o cheiro do coto, peça orientação ao pediatra. 

2) Quais as indicações que devo procurar um médico? 

- Caso o bebê apresente febre, comece a mamar pouco e você perceber que ele não está bem.

- Se a área em torno do umbigo e o próprio umbigo tiverem vermelha ou inchada

- Quando o coto fica inchado ou com mau cheiro muito forte

3) O coto caiu. O que faço? 

O coto caiu e para o umbigo cicatrizar completamente demora em torno de 7 a 10 dias. Nesse período continue limpando com álcool 70% várias vezes ao dia.

Em alguns bebês o umbigo demora um pouco mais a cicatrizar, podendo aparecer uma carne esponjosa no local. Não se preocupe se não houver sinal de infecção ou mau cheiro. 

De qualquer forma se tiver dúvida se a área está cicatrizada, fale com  o médico.

4) O umbigo ficou alto. E agora? 

Na maioria das vezes quando o umbigo fica alto é devido à formação de uma hérnia umbilical. 

Não se desespere, as hérnias umbilicais são coumns e podem afetar até 20% dos bebês. 

Fale com o pediatra e ele acompanhará o umbigo do seu bebê de perto.

Geralmente até seis meses de idade volta ao normal sozinho, mas se caso não aconteça, a correção cirúrgica é indicada. 

Previna a cólica do seu bebê com dicas simples

Seu bebê acabou de nascer, mas você já se preocupa se ele terá cólicas? Quer previnir e não sabe como? Aqui te dou algumas dicas.

Se seu bebê está evacuando é um bom sinal. Intestino preso é uma das causas das cólicas. Peça orientação ao pediatra quanto a esse problema.

Dar o leite materno pode fazer com que o bebê não tenha cólicas, mas não tira as chances de que elas apareçam.

O leite materno é de extrema importância para os bebês, mas na hora da amamentação é fundamental que o bebê evite engolir ar e também se a pega do bebê está correta porque nesses casos podem contribuir para que as cólicas apareçam já que o bebê pode engolir ar ao invés de leite. 

Se essas dicas te ajudaram, comente.